Você está aqui: Consultoria de Marketing Planejamento Financeiro

Planejamento Financeiro

Visando estimar as necessidades de financiamento para garantir fundos suficientes para que uma empresa pague seus compromissos, o Planejamento Financeiro é o processo que, além de estimar a quantia necessária para continuar as operações, viabiliza o processo de decisão sobre quando e como realizar financiamentos.

Por se tratar de um procedimento confiável, é também um instrumento muito relevante para as organizações, na medida em que fornece roteiros para dirigir, coordenar e controlar as diversas ações para se alcançar os objetivos desejados. Está envolvida a realização de projetos de vendas, renda e ativos baseados em estratégias alternativas de produção e de marketing, seguidas pela decisão de como atender as necessidades financeiras previstas.

Dessa forma, entre as diversas etapas do Planejamento Financeiro podemos citar:

- Adoção de um sistema de demonstrações financeiras projetadas;
- Cálculo da demanda de fundos necessários para a execução dos planos traçados;
- Elaboração de uma previsão da disponibilidade de fundos resultantes da execução dos planos;
- Elaboração de um sistema de controle sobre as fontes e as aplicações de fundos dentro da organização;
- Desenvolvimento de uma metodologia de adaptação dos planos às variáveis externas não controláveis.


O Planejamento Financeiro pode ser preparado em termos de curto e de longo prazo. Os planos financeiros de longo prazo procuram refletir os resultados esperados no planejamento estratégico da empresa. À medida que o horizonte de planejamento se distancia da data de elaboração, o grau de detalhamento se reduz, em virtude do nível de confiabilidade das projeções. Portanto, a atuação a longo prazo se apóia nos instrumentos de orçamento de capital e nas expectativas de geração de lucros e caixa.

Já os planos financeiros de curto prazo devem ser bem detalhados, através do uso de instrumentos como o orçamento de capital, as projeções de fluxo de caixa e de Demonstrativo de Resultados periódicos e os balanços patrimoniais projetados.

Enquanto o horizonte de planejamento típico de longo prazo é cinco anos, embora algumas empresas operem com períodos de dez anos, o intervalo que pode ser interpretado como curto prazo é usualmente um período de um ano.

Em uma visão mais prática, a partir de dados históricos e da necessidade de investimentos, são feitos orçamentos, através dos quais pode-se prever gastos durante o período definido para as projeções de receita. É possível ainda identificar as variáveis que influenciam diretamente na receita da empresa, além de incluir as metas para crescimento de vendas. Dessa forma, são criados cenários com probabilidades de ocorrência, de acordo com os ganhos de receita e o volume de recursos disponível para cobrir os gastos anteriormente orçados.

O controle financeiro permitirá a comparação entre o desempenho da empresa periódico e as projeções determinadas entre os cenários otimista, conservador e pessimista. Portanto, a empresa terá conhecimento sobre o diagnóstico financeiro em que se encontra e poderá elaborar planos de contingência para os resultados previstos.

Na formulação do planejamento, utilizam-se modelos que permitem simular os impactos financeiros estimados decorrentes das estratégias estabelecidas. Esses modelos propiciam a elaboração de previsões das demonstrações financeiras.

Os resultados esperados com o desenvolvimento de um sistema orçamentário consistem no planejamento mais racional do emprego dos recursos tecnológicos, humanos, materiais e financeiros. Além disso, o Planejamento Financeiro permite prevê um superávit ou déficit de caixa no exercício, com a adaptação mais rápida caso haja alterações nos fatores externos, já que estes serão mais facilmente identificados.

O Planejamento Financeiro fornece maior previsibilidade para empresas que desejam tomar decisões mais consistentes e confiáveis, além de maior sustentabilidade a curto, médio e longo prazo.

Algumas planilhas de controle financeiro podemos citar:

- Ponto de Equilíbrio;
- Fluxo de Caixa;
- Fundo de Reserva;
- Contas a Pargar / a Receber;
- Gastos Fixos / Variados;
- Gerenciamento de Custos e Lucratividade;
- Valores Corrigidos dos Exercícios;
- Margem de Contribuição;
- Relatórios Estatísticos.

Para obter maiores informações, por favor, entre em contato com nossos consultores.

Equipe PerspectivaMKT.

Consultoria de Marketing

Conheça nossa Consultoria de Marketing e metodologias de trabalho para os mais diversos tipos de planejamentos que envolvem o crescimento da empresa no mercado onde ela atua!